fechar

MSN Repórter

O Vooz quer escrever notícias para você e por isso abriu o canal Repórter Vooz onde você entra em contato diretamente com nossa equipe por MSN e participa do Vooz.

  • Sugira assuntos e enquetes;
  • Envie matérias;
  • Complemente com informações, fotos ou vídeos;
  • Tire dúvidas;
  • Tenha seu nome na equipe do Vooz e ganhe visibilidade no mercado;

msn@vooz.com.br


Cobra de 5 metros e com peso de 75kg é capturada pelo corpo de bombeiro, em Orizona, Goias

Publicado em 01/06/2009 às 18h17

Animal de 75 quilos invadiu residência no município de Orizona.
Cobra foi levada para Centro de Triagem de Animais Silvestres.

Uma cobra de aproximadamente cinco metros foi capturada por uma equipe do Corpo de Bombeiros em Orizona, Goiás. O animal invadiu uma casa na tarde de sábado (30).

Segundo os bombeiros, a cobra de 75 quilos foi levada para o Centro de Triagem de Animais Silvestres, em Goiânia. No local, o animal passará por uma adaptação e será reinserido na natureza.

De acordo com os bombeiros, houve um crescimento no número de solicitações para resgatar várias espécies. Esses pedidos aumentaram porque as pessoas estão mais conscientes sobre a necessidade de preservação da natureza. Os bombeiros alertam que a população não deve tentar capturar os animais, especialmente cobras.


Fonte: G1

Contato: redacao@vooz.com.br

Keywords: corpo de bombeiros, Cobra de 75Kg, Cobra de 5 metros, Orizona-GO


O que você achou dessa notícia?

Avalie aqui:

Média de avaliações

1 votos
Deixe seu comentário pelo facebook:
Deixe seu comentário pelo facebook
Deixe seu comentário: Deixe seu comentário

O comentario não pode ser vazio.


O nome não pode ser vazio.


O email não pode ser vazio.

O Estado não pode ser vazio.

A cidade não pode ser vazia.
Envie essa notícia para um amigo:
Envie essa notícia para um amigo


Exemplo: nome@example.com. Para enviar para mais de uma pessoa, separe os endereços por vírgulas

Informe o seu nome

Informe o seu endereço de e-mail

O comentario não pode ser vazio.
Comunicar erro na notícia:
Comunicar erro na notícia


Informe o seu nome

O email não pode ser vazio.

Descreva o que há de errado com esta notícia